Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Crónicas de uma menina da mamã

"Tu te tornas eternamente responsável por aquilo que cativas" Antoine de Saint-Exupéry

A sociedade pressiona-me

A sociedade pressiona-me, e pressiona-me à grande e à portuguesa!

Já estamos no final de Novembro e desde o final do mês passado que vejo árvores de Natal, decorações de Natal, sugestões para prendas de Natal, pratos para a ceia de Natal, promoções de Natal, descontos de Natal, Pais Natal, duendes, elfos, renas, criancinhas ao colo dos Pais Natal. criancinhas em cima de renas, posts sobre o Natal, fotos nas redes sociais de árvores de Natal, publicações do X e do Y a dizer que já compraram as prendas tudo, todos e todas, fotos de jantares de Natal, brunchs de Natal, almoços de Natal. Também já vi à venda bolo-rei, bolo-rainha, sonhos, filhoses, coscorões, azevias, fatias douradas, troncos de Natal, lampreias de ovos e por aí adiante...

Fónixxxxxxxxxx faltam 34 dias para a noite de Natal e eu começo a pensar que estou na véspera do dito cujo, ainda não montei a árvore de Natal, ainda não fiz o presépio, ainda não comprei prendas, ainda não comprei o bacalhau, ainda não fiz os doces, ainda não meti a mesa e que não tarda muito tenho a família toda à porta!

Sociedade, faltam 34 dias para a véspera de Natal e 35 dias para o dia de Natal em si, deixa-me lá continuar a ser tuga e a deixar tudo para o fim, não me pressiones sff.

O que se falou por aqui

O que é que achas?

Pág. 1/2