Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Crónicas de uma menina da mamã

"Tu te tornas eternamente responsável por aquilo que cativas" Antoine de Saint-Exupéry

Tenho saudades de ser pequenina...

Aliás, clarificando o título do post, não tenho saudades de ser pequenina em tamanho, nisso a mãe natureza encarregou-se de nunca me deixar com saudades, brindando-me com uns fantásticos 1.52cm....

Bom mas adiante. Falta um mês para as minhas "férias grandes" e caiu em mim uma nostalgia. Sinto saudades de ser pequenina, de ter três meses de férias, de ir brincar com os meus amigos para a rua à noite, de ir para a terrinha, de passar dias inteiros na praia e na piscina, de ir de férias com os meus pais e a minha irmã, de fugir da minha irmã para ela não me entalar os dedos nas portas, de jogarmos os quatro às cartas, ao Monopoly e ao Cluedo, de ir visitar os meus avós e tios, de ir passear aos fins de semana, de tudo isto o que me lembrei e de tudo o resto que não me lembro agora.

Sinto saudades de ser pequenina... Se fosse pequenina lembrava-me de mais coisas mas como a idade e o desgaste mental não permite, foi apenas disto que me lembrei! Agora que não sou pequenina as minhas "férias grandes" resumem-se a 10 dias úteis sem trabalhar, e desligar-me totalmente do meu dia a dia e se a sorte estiver do meu lado pode ser que não me liguem do trabalho como sempre sucede!

Quero ser pequenina outra vez....

Se alguém lá de cima estiver a ler o post é favor não confundir o "ser pequenina" de tamanho com o "ser pequenina" de idade, não me encolham se faz favor, já me basta esta altura, mais pequenina tenho que começar a comprar roupa na Zara Babys!

Felicitări Zibaldone!

Porque isto dos blogs tem muito que se lhe diga.... Não se trata apenas de debitar para aqui palavras e irmos à nossa vida, porque nisto nos blogs vão-se construindo amizades virtuais com pessoas reais, e essas pessoas que, quer queiramos quer não, começam a fazer parte do nosso dia a dia, e até chegamos a sentir a sua falta quando não nos comentam ou não os comentamos a eles. Porque nisto e isto dos blogs existem ligações que não se conseguem explicar, só quem as sente é que saberá entender o que escrevo, e eu sei que são algumas.

Desta forma a "blogger mainstream", a.k.a. Eu , vem por este meio e forma parabenizar o "blogger de culto" Francisco Freima:

Muitos parabéns Zibaldone, que a vida sempre te sorria, te presenteie com tudo aquilo que mais desejas, que sejas muito feliz e que melhores os teus gostos musicais, a malta, e particularmente eu que tive que ouvir esta faixa uns segundos, agradece! 

E foarte dulce din partea ta să spui asta Francisco, beijinhos