Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Crónicas de uma menina da mamã

"Tu te tornas eternamente responsável por aquilo que cativas" Antoine de Saint-Exupéry

O barato sai caro!

Após alguns dias a ir à praia, com férias e muito sol à mistura, fiquei com um bronze digno de fazer inveja a qualquer Kardashian acabadinha de sair do solário, mas não há bela sem senão... Após algum tempo a pele começou a cair....

Começou nos ombros até que se alastrou às pernas, parece que foi por etapas, aos poucos e poucos, estranho mas veridíco, estranho mesmo. Todos os dias após o banho espalhava no corpo um creme meio XPTO que tenho cá por casa, e que apesar de indicar no rótulo ser hidratante, de hidratante pouco ou nada tem, só cheira bem, o resto é conversa e rótulo, porque continuava com a pele seca. A pior parte deu-se nas pernas, começaram a ficar tão secas, e ásperas que até arranhavam ao passar a mão . Decidi então ir comprar um creme hidratante na verdadeira acepção da palavra, então pensei cá para comigo e para com os meus dois "Eus" (Sim eu tenho dois Eus, matem-me vá!):

Eu 1: É melhor comprares um creme bom porque os de supermercado podem ser tão hidratantes como aquele que tens.

Eu 2: Estás parva? Qualquer dia não ganho para cremes!

Eu 1: Então compra, mas vais-te arrepender! Deixa de ser forreta, compra um melhor.

Eu 2: Pois compro um de supermercado compro, é mais barato, é hidratante e é para peles secas! Vou já para a caixa!

Primeiro dia de creme tudo bem, segundo dia de creme a pele começou a empolar, terceiro dia de creme a pele começou a cair em quantidades industriais, quarto dia de creme tenho pele das pernas nas calças inteiras, quinto dia de creme, não vai existir... Temo que a porra do creme me corroa a pele e a carne até ao osso.

O meu Eu 1 pode ser um esbanjador mas é bem mais sábio que o meu Eu 2!

O barato sai caro meus caros (gostei do trocadilho), mais vale dar mais algum dinheiro de uma empreitada só do que em duas levas.