Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Crónicas de uma menina da mamã

"Tu te tornas eternamente responsável por aquilo que cativas" Antoine de Saint-Exupéry

Oceans....

E esta noite deu-me para a música, para a música que eu gosto, adoro, para a música que me faz relaxar, para a música que me acalma, afaga e aquece a alma.... E esta noite é assim....

 

Oceans - Pearl Jam

 

"Hold on to the thread
The currents will shift
Glide me towards
You know something's left
And we're all allowed
To dream of the next
Oh, oh the next, time we touch

You don't have to stray
The oceans away
Waves roll in my thoughts
Hold tight the ring
The sea will rise
Please stand by the shore
Oh, oh, oh, I will be
I will be there once more"



 Kikas

Uma paixão chamada livros 13/40

Livro em cujo universo habitarias

 

206796SZ.jpg

As Brumas de Avalon de Marion Zimmer Bradley


Recria as lendas arturianas, desta vez narrado através do olhar das mulheres que, por detrás do trono, governaram os próprios actos masculinos e foram as verdadeiras detentoras do poder aonde a enigmática ilha de Avalon é a guardiã dos grandes mistérios eternos e sagrados.
Trata-se de um ambiente verdadeiramente mágico de paganismo, cristianismo, rituais mágicos e visões, sensualidade e realidade, e conduz-nos ao mundo lendário do Rei Arthur, dos Cavaleiros da Távola Redonda e das Cruzadas sob a perspectiva alucinante e vertiginosa de uma época onde tudo era possível através dos poderes das mulheres.

Quem não gostaria de habitar neste Universo tão fantástico?

 

Kikas

O sonho comanda a vida!

 

Todos nós sem excpeção temos um sonho, cada um tem o seu em particular, que se resume na vontade em realizar algo.

 

Os sonhos são importantes, sem sonhos não há motivos para viver plenamente, não me refiro a sonhos materialistas, mas a qualquer tipo de sonho como por ex. realizarmo-nos profissionalmente, viver um grande amor ou ter saúde para continuar a realizar os nossos sonhos, pois é um dos motivos que nos mantém vivos, é o combustível que mantém acesa a chama de viver cada vez mais, mais intensamente, e para sonhar.

 

Alguém sem sonhos é alguém sem esperança, sem objectivos e por consequência uma pessoa infeliz, porque o que nos faz vivos e felizes não é o sonho propriamente dito, mas sim o percurso que temos que percorrer para o realizar.

 

A vida é feita de sonhos, as tristezas são sonhos destruídos, as alegrias são sonhos realizados, as lutas são sonhos em construção, as derrotas são sonhos que devem ser recomeçados, e a esperança, ah a esperança... São sonhos que vamos construir!

 

Já dizia sabiamente António Gedeão: O sonho comanda a vida!

 

BmplnLOCAAMTFjU.jpg

 Kikas

 

 

Ao estado que chegou o nosso Estado!

"Falha do Estado mata crianças" 

Julgo que ninguém com algum tipo de sentimento humano consegue passar ao lado ou ficar indiferente ao que se passou à duas noites atrás em Caxias. Uma mãe de 37 anos saltou à água com as duas filhas, uma de 19 meses e outra de 4 anos.

 

Penso eu que vivo na minha bolha, no meu mundo cor de rosa aonde as poucas "preocupações" que tenho ultimamente é o estado do tempo, o que leva uma mãe a cometer tal atrocidade?

Aparentemente muitas! Pelo que se tem lido na comunicação social, muitas mesmo!!

Ainda assim custa-me ver que uma mãe tenha cometido tal acto para salvar as suas filhas, custa, custa tanto caramba!!

 

Também pelo que tenho lido não foi por inacção que isto sucedeu e de acordo com uma fonte:

"Em novembro, a mulher suspeitou que o companheiro abusava da filha mais velha, a menina de quatro anos que ainda está desaparecida, e saiu de casa. Mudou-se com as filhas para a casa dos pais e depois para a casa de uma tia em Vila Franca de Xira. A progenitora terá feito, segundo os familiares, queixas na PSP, GNR, Segurança Social e APAV. "

 

O velho ditado "Só quem está dento do convento é que sabe o que lá vai dentro" não se aplica neste caso, porque aparentemente muita gente sabia o que se passava dentro do "convento" e não actuaram atempadamente.

Desespero é a única palavra que me passa pela cabeça ao saber desta história....

 

 

Como esta existem milhares por este país fora, mas vendo este exemplo as mulheres que passam pelo mesmo ou semelhante, não irão pensar (ainda mais) 'Do que vale fazer queixa se ninguém nos vai ajudar?'

O medo, a vergonha dominam toda e qualquer situação de violência doméstica e custa saber que existem tantas situações destas por este país e mundo fora.

Sinto-me triste por saber (recorrentemente, não foi esta 'história' que me alertou para o tema) de casos destes mas nunca, nem de perto nem de longe, tão triste como quem as vivencia, as sente na pele....

 

Kikas

Madrugada #5

Bom dia 

Custa tanto a levantar, cada vez mais, a cada dia que passa, mas tem de ser por isso: Let` s go, zimbora!!!

 

P.S.- Notas que o frio extremo te está a afectar a mente quando tentar abrir a porta de casa com a chave do carro....

FB_IMG_1455609408429.jpg

Kikas