Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Crónicas de uma menina da mamã

"Tu te tornas eternamente responsável por aquilo que cativas" Antoine de Saint-Exupéry

Quatro dias e quatro noites em Belgrado

Um destino e um país que nunca constou da minha "travel lista" foi a Sérvia e nomeadamente Belgrado. Tinha a ideia pré-concebida que se tratava de um país e uma cidade "frias", pouco acolhedoras e/ou simpáticas. Esta minha ideia devia-se única e exclusivamente a toda a (longa) história por trás da Ex-Jugoslávia, e convenhamos que tem uma longa história e não muito feliz. Muitas guerras, muitas ocupações, muitos bombardeamentos foram o principal motivo para colocar de lado a hipótese de visitar esta cidade, contudo surgiu esta oportunidade quase caida do céu e eu não a deixei de aproveitar, mal seria!

Vinda de uma temperatura de 18º em Lisboa ao aterrar no aeroporto Nikola Tesla com 5º graus e um casaquinho daqueles que só tapam os ombrinhos tive logo o meu primeiro choque térmico. A primeira paragem antes de chegarmos ao hotel foi no Museu do Marechal Josip Broz Tito.

1.jpg

2.jpg

Para quem não sabe o Marechal Tito foi considerado um revolucionário na antiga Jugoslávia, revolucinário para uns, ditador para outros mas o que a história conta é que Tito conseguiu comandar a explosão econômica e a expansão da Iugoslávia entre as décadas de 60/70. Nos dias em que estive em Belgrado notei um mix feelings em relação ao Marechal Tito: há quem o adore e há quem o ame.

No dia seguinte visitámos Belgrado a pé uma vez que nesse dia decorria a maratona da cidade, eram eles a correr e nós a andar.

3.jpg

4.jpg

No domingo visitámos uma cidade que se encontrava a uma hora de distância mas que, devo admitir, A.D.O.R.E.I.: Novi Sad

Ao contrário de Belgrado é uma cidade "menos cidade", mais pitoresca, mais rústica.

8.jpg

 

IMG_20170423_102045 (2).jpg

No último dia tivemos direito a um cruzeiro pelo Rio Danúbio, as casinhas nas margens são encantadoras, fiquei apaixonada.

8.jpg

7.jpg

E assim muito, muito, muito resumido se passaram quatro dias. É claro que nestes quatros dias visitei muito mais do que está visível nas fotos e aproveitei tudo o que tinha para aproveitar. Foram quatro dias a almoçar e jantar em restaurantes típico sérvios e cada um mais lindo que o anterior, fomos muito bem recebidos, passeou-se muito, comeu-se muito e também se bebeu (eles têm umas cervejolas todas xuxus!) alguma(s) coisita(s) mas não consigo meter em palavras uma experiência que só mesmo vivida é que tem piada.

Conclusão: Gostei, gostei muito. Se voltaria lá? Provavelmente em 2032 quando o "Little Dubai" de Belgrado estiver concluído.

P.S. - Estava previsto serem apenas três noites mas tivemos o "miminho" da Air Serbia de nos mandar sair do avião 15 minutos depois de já estar toda a gente sentada, o avião deveria descolar às 19h horas da Sérvia, 18h de Portugal, descolou às 3h da manhã da Sérvia, estive dez horas dentro de um aeroporto... O único ponto positivo é que dormi as quatro horas do voo e acho que fui a única, os restantes passageiros (segundo consta) vieram o caminho todo de pestana aberta com um medinho que doía!

O que se falou por aqui

O que é que achas?

Pág. 1/2

Sobre mim

foto do autor

Header by Mula
Ilustradora Mônica Crema

Blogs de Portugal

Follow

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D